[RESENHA] A Livraria 24 horas do Mr. Penumbra - Robin Sloan

A Livraria 24 horas do Mr. Penumbra


A recessão econômica obriga Clay Jannon, um web-designer desempregado, a aceitar trabalho em uma livraria 24 horas. A livraria do Mr. Penumbra — um homenzinho estranho com cara de gnomo. Tão singular quanto seu proprietário é a livraria onde só um pequeno grupo de clientes aparece. E sempre que aparece é para se enfurnar, junto do proprietário, nos cantos mais obscuros da loja, e apreciar um misterioso conjunto de livros a que Clay Jannon foi proibido de ler. Mas Jannon é curioso…


"Há coisas estranhas e misteriosas acontecendo na Livraria 24 horas do Mr Penumbra"

Hoje vim falar de mais um sucesso da Editora Novo Conceito, no entanto dessa vez o livro não entrou nos meus favoritos. Vou explicar o motivo.

''Havia escadas que se prendiam às prateleiras e deslizavam de um lado para outro. Essas escadas normalmente têm seu charme, mas ali, se estendendo até a escuridão, elas pareciam agourentas. Murmuravam rumores de acidentes no escuro”

A história é muito bem escrita, Clay Jannon é um nerd rs, ele trabalhava como web-designer e adora tudo que está envolvido com a tecnologia, e por mais inteligente que seja ele não tinha o costume de viver nos livros, ele é o cara do computador, mas então chega uma crise econômica e as pessoas estão desesperadas sem empregos, mesmo a galera que cursou faculdade. Ai que ele acaba vendo uma pequena livraria com a placa de precisa-se de balconista. Pode não ser o emprego dos sonhos, mas vai pagar as contas.

Nessa livraria que eu adorei, tem muitos livros antigos, e alguns misteriosos livros que parecem ser de primeira edição, também temos alguns livros secretos que Clay é proibido de abrir, e que parecem conter muitos mistérios. O curioso da livraria são suas peculiaridades, praticamente não tem clientes, apenas um seleto grupo de pessoas de mais idade, que aparecem durante a madrugada (turno do Clay), eles vem sempre separados, e pegam um exemplar sobre empréstimo, o estranho é que eles sempre chegam agitados e pegam o livro como se fosse um tesouro...

"...você não pode ler, folhear ou inspecionar de modo algum os volumes nas estantes. Simplesmente apanhe-os para os membros, só isso."

Após um tempo Clay começa a perceber uma frequência entre eles, esses clientes seletos estão fazendo uma espécie de revezamento entre os livros, sempre pegando o livro lido anteriormente por outro deles. O estranho também é que o Mr. Penumbra pede sempre que o Clay faça descrições minuciosas e estranhas sobre os clientes, coisas do tipo: Que roupa ele usava? Que cor era o botão? Ele parecia ansioso, feliz, agitado?

Tudo isso desperta a curiosidade de Clay, e uma vez que a vida social dele está quase zero, se não fosse por uma misteriosa cliente que trabalha na empresa Google... Ele então com ajuda da nova namorada misteriosa, e seu amigo Mat, e um antigo colega de faculdade ele decide investigar! Mas as coisas nunca são como imaginamos...

"Ele se vira e caminha para as profundezas das estantes escuras e empoeiradas, conversando baixinho consigo mesmo. Pego meu laptop e minha bolsa de carteiro e saio pela porta da frente. Os sinos quase não tocam. Olho para trás através das vitrines altas e, por trás das letras curvas douradas, Penumbra desapareceu."

O livro é muito interessante para quem curte mistérios, conspirações, códigos secretos... e particularmente para quem curte tecnologia, quem entende de computadores e programas. Eu acredito que não gostei muito porque não entendo nada dessas coisas, o livro fala muito sobre programas e códigos e todas essas coisas diferentes que um web-designer faz, e como nunca entendi nada disso essas partes me dispersam, fico perdida, e acabo me distraindo e perdendo o interesse na história. 

O final me frustrou um pouco, foi ai que percebi que não engoli a história. Ela definitivamente não foi algo que me prendeu. Vale ressaltar que é minha opinião pessoal, o livro em si é muito bom, repito, muito bem escrito, com um bom fluxo de informações, as revelações são sendo dadas aos poucos, vamos descobrindo na medida em que Clay descobre os segredos do Mr. Penumbra e de sua livraria. Eu é que não gostei muito da história, não me senti envolvida nela, por se tratar de um tema com o qual não sou familiarizada.

Mas recomendo sua leitura a todos, assim cada um poderá dizer o que achou. Sempre podemos descobrir em um livro do qual temos poucas expectativas nossa nova grande paixão. ^^



Título: A Livraria 24 horas do Mr. Penumbra
Autor: Robin Sloan
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288




4 comentários

  1. Olá Nita,

    Confesso que tinha criado expectativas por esse livro,mas fico feliz por ter esperado as resenhas saírem pq a cada resenha que leio as pessoas salientam pontos não muito agradáveis, então acredito que quando pegar o livro para ler já estarei preparada para o que vier.... acho que posso não gostar tanto, mas por estar preparada também não irei me frustrar. Assim espero.

    xoxo
    Camila Márcia
    @camila_marcia
    De Livro em Livro
    Devaneios Fugazes

    ResponderExcluir
  2. Oie! Também não sou uma pessoa altamente ligada em tecnologia hehe mas gostei do livro. Não é aquele livro capaz de mudar a vida de alguém, mas foi uma leitura divertida e instigante!

    Bjoka, Livro Lab

    ResponderExcluir
  3. Oi! Também não entendo nada dessas coisas, então já sei que é pra ir com menos sede ao pote e controlar a expectativa! Mas de qualquer forma, o livro continua no topo da minha listinha de desejados, ouvi coisas maravilhosas a respeito e a sinopse me chamou a atenção!

    Beijokas
    escolhasliterarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Eu tenho vontade de ler esse livro mais pela curiosidade e porque acho a proposta interessante.

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Deixe seu comentário e se houver necessidade responderemos pelo seu e-mail ou aqui mesmo. Obrigada pela visita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...