[RESENHA] No Limiar do Desejo - Trilogia Luxúria - Livro 02 - Eve Berlin



''Render-se ao prazer só é libertador se você se entregar por completo''


Sinopse: Kara Crawford é uma advogada que sabe como guardar um segredo, ainda mais depois de ter sido desprezada por um ex-namorado ao lhe ter revelado suas fantasias sexuais. Ela não esperava encontrar alguém que pudesse realizar seus desejos mais íntimos e extremos, até vivenciar uma das noites mais incríveis de sua vida ao lado de um homem que há muito admirava. O sexualmente dominante Dante de Matteo conhecia Kara dos tempos do colégio e jamais havia imaginado que as fantasias mais sombrias de uma mulher pudessem ser tão compatíveis com as suas. Mas nenhum dos dois acreditava que aquela paixão pudesse passar de uma noite. Quando Dante é contratado pelo escritório onde Kara trabalha, os dois são confrontados diariamente com as faíscas daquela química explosiva e não sabem como lidar com isso. À medida que o desejo intenso os aproxima, temores bem profundos ameaçam separá-los e eles precisam aprender a abraçar da mesma maneira o medo e o prazer do amor. Vão conseguir? No limiar do desejo é o segundo livro da trilogia de romance erótico, de Eve Berlin, iniciada com o sucesso Luxúria. Conheça a história de como Kara Crawford satisfaz todas as suas fantasias sexuais com o antigo colega de escola Dante de Matteo, com quem passa a trabalhar. Uma história cheia de erotismo, tensão e intensidade. 


Eu só. . . não podia esperar para estar aqui com você. Não conseguia me concentrar em qualquer outra coisa. "
Ele sorriu para ela. "Boa re'sposta. E o que foi que você queria de mim, Kara? "
Ela puxou uma respiração suave, suspirando. "Tudo".



Este galera é o livro #2 da Trilogia Luxúria, onde seus livros são independentes, os personagens são interligados apenas por laços de amizade. Por isso se você não leu o primeiro livro e quer partir direto para esse fique tranquilo, você não corre risco de se perder na trama.

Essa série é da nova, e famosa onda de romances eróticos contendo BDSM (Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo). Por isso se você não curte o gênero, nem perca seu tempo lendo para depois sair resmungando por ai rs. 

Pontos esclarecidos vamos a história.

Esse livro diferente do anterior que teve mais cenas de conversas, descrições e cenas de intermédio antes da parte ''Hot''.  Sem muito  ''lenga lenga rs'' vamos direto aos personagens se encontrando numa festa entre amigos em comum, bastou umas cinco palavrinhas e já veio o tentador convite...


"Kara, eu vou te perguntar uma coisa, e eu não quero que você tenha ofendido, mas eu vou ser franco. "
"Tudo bem. . . "


"Eu não posso acreditar que eu tenho que correr para você hoje à noite, depois de todo esse tempo. Mas eu tenho que te dizer, se nós ainda estivéssemos no ensino médio, este teria sido meu sonho. Só de te beijar. Mas eu estou crescido agora. Assim como você. E eu quero mais. "

"Eu quero você. Eu te quero tanto, eu não posso esperar para toda a conversa habitual educada. E esta não é uma linha
bem praticado. Eu não acredito no que ... porcaria, francamente. Eu apenas. . . quero você.''


Direto galera? Só um pouquinho rs adivinhem o que ela respondeu? kkk

Depois dessa cena vamos direto para a parte quente, como dizem? Rala e rola kkkkk desculpa não resisti =)

Então depois do final de semana mágico, segunda-feira na empesa onde Kara trabalha como advogada ela se prepara para conhecer o novo parceiro/chefe no trabalho, e ele é..... Dante! \0/


"Isso mata-me por não tocar em você. Realmente tocar em você. Mas há algo que é bom demais em torturar-me um pouco desta maneira. "
Ele fez uma pausa. "Você sente isso, Kara? Esse prazer quase insuportável da espera? "


Então agora em que ambos são advogados da mesma empresa, e tem uma incrível tensão sexual entre eles começa os dramas rotineiros: não é bom se relacionar com alguém do trabalho, ainda mais seu chefe, não quero um relacionamento sério devido aos milhões de traumas da vida e blá blá blá. (essa parte nos livros eróticos de que tem sempre que ter um trauma na vida para a pessoa gostar do estilo de vida com BDSM já está me estressando)

E ai o livro gira em torno disso, assumir ou não estar apaixonada (o) e continuar ou não com esse não relacionamento.



"Onde você vai? O que realmente está acontecendo aqui? " Raiva inundou então, quente e poderoso. Raiva e medo e perda. Ela não podia fazer isso.
"Estou saindo, Dante." Mesmo no escuro, ela podia ver seu queixo cair como ele a deixou ir. Ele balançou a cabeça.
"Eu não vou mantê-la aqui contra a sua vontade", disse ele, seu tom ainda, cuidado.
"Claro que não. Porque o infame Dante De Matteo nunca faria nada que violasse o cofre, credo são e consensual. Mas você nunca faria nada que realmente deixar dentro de qualquer um, qualquer um, seria você? "
Ele olhou para ela, o choque no rosto. Ela ficou chocada.''


Eu gostei da história em um todo, mas confesso que achei ela muito pobre, foi tudo muito direto, sem grandes conflitos para os personagens, praticamente a história se resume a ''cama''. No primeiro livro foi na minha opinião, melhor trabalhada a história, tivemos mais diálogos, mais cenas intermediárias, mais conflitos.  Mas quem sou eu para reclamar de um romance erótico tão sedutor e envolvente (ainda que simples de mais) ? 

Por isso recomendo que  você maior de 18 anos é claro, leia e decida se gostou ou não, e claro venha me contar! =)


Título: No Limiar do Desejo

Autora: Eve Berlin
Editora: Quinta Essência
Série: Trilogia Luxúria livro #2
Páginas: 223





                                                                    Beijos
                                                                                        Nita


4 comentários

  1. Acho que o melhor de lermos um bom livro é a expectativa que todos(as)nós ,temos de viver um novo amor, um novo romance,um recomeço "apimentado" ,para marcar nossa passagem aqui,as vezes tão sem sal,sem grandes expectativas!Rs.Quero ler esse livro.

    ResponderExcluir
  2. Hummm fiquei curiosa heim NIta!!! quero ler!

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente tenho uma raiva de série desse gênero desde 50 tons, ai tudo para os personagens se resumi na cama, e como você disse tem sempre que um dos personagens ter sofrido algum tipo de trauma, ta ficando muito repetitivo essas histórias, o que muda é só os nomes mesmo.
    Enfim não sinto nenhuma curiosidade em ler.

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Deixe seu comentário e se houver necessidade responderemos pelo seu e-mail ou aqui mesmo. Obrigada pela visita.