[RESENHA] A Vez da Minha Vida - E se você tivesse a chance de mudar a sua vida? - Cecelia Ahern


A Vez da Minha Vida


'' Minha Vida precisava de mim. Ela estava passando por um momento difícil e eu não estava prestando atenção suficiente nela. Tinha tirado os olhos da bola, me ocupei com outras coisas: vida de amigos, questões de trabalho, meu carro se deteriorando e sempre quebrando, esse tipo de coisa. Havia completa e totalmente ignorado minha vida. E agora ela tinha escrito para mim, me convocando, e havia apenas uma coisa a fazer. Tinha que me encontrar com ela, cara a cara.''



 Lucy Silchester recebe um convite inesperado da sua ''Vida'' que por sinal é um homem adorável, bem, no começo do livro nem tanto, ele aparece todo destruído, sujo, descabelado, muito feio. Mas como devem imaginar, ele é o retrato de como a vida dela está no momento. Ao receber o convite ela nem se surpreende muito, fato que me deixou meio chocada, afinal quem recebe um convite num envelope de ouro para se encontrar com sua vida e acha isso comum? Mesmo tendo ouvido falar algo sobre isso em uma revista...

''Prezada Lucy Silchester,
Você tem um compromisso na segunda-feira, 30 de Maio.''

Lucy tenta incansavelmente ignorar o convite, seguindo com sua chata rotina ela acredita que sua vida esta muito bem obrigado, e não precisa de ajustes.
Porém os convites não param de chegar, no trabalho, na casa de sua família, até que ela não consegue mais ignorar e resolve ir ao tal encontro.
Antes de dizer como foi o encontro deixe me explicar como é Lucy.

Uma mulher de 29 anos, atualmente solteira, que vem de família rica, porém vive muito modestamente em um apartamento minúsculo com um gato de sexo indefinido rs. Ela tem um pai que aparentemente a desaprova em tudo, um advogado muito sério que não tem demonstrações de afeto com os filhos. Sua mãe é um doce, porém uma mulher muito requintada que mede tudo o que fala. Lucy tem dois irmãos, Philip um cirurgião plástico e Riley um advogado, ela se da muito bem com eles, porém sua vida é muito fechada e nem mesmo a família sabe muito sobre o que acontece com ela. Seu trabalho é como tradutora de manuais de instrução, trabalho que ela detesta assim como seus colegas nele. 
Lucy está muito acostumada a mentir para todos, assim fica mais facil agradar e não ter que vivenciar seus problemas, simplesmente podendo mentir para os outros e principalmente para si mesma.

''Isso não é As patricinhas de Beverly Hills, Lucy, não sou um projeto. Você não pode passar um dia polindo minhas unhas e fazendo permanente em meu cabelo e tudo ficará bem e maravilhoso.''

Ao se encontrar com sua Vida, ela percebe o quanto sua vida parece desprezível, um homem grosso, nervoso, nada educado e muito feio por fora. Porém ao ouvir algumas ''verdades'' ela faz o que sempre faz, sai  antes da conversa acabar, como sempre fugindo da vida.


''-Que tal uma depilação completa?
- Você é nojenta e tenho vergonha de ser sua vida.''




Depois de perceber que sua vida não sairia do seu pé tão facilmente ela decide aceitar sua companhia, porém tudo tem um preço, Lucy terá de aprender a não mentir mais, pois a cada nova mentira que ela contar ''ele'' vai contar uma verdade sobre ela para a pessoa. 
 


''-Ajudaria todo o processo se você não mentisse para mim.
- Não são mentiras se o resultado é o mesmo.''
 

 Nesse acordo, ambos começam a conviver juntos, sua Vida irá ajudar ela a reviver alguns fantasma, e repensar sobre como ela anda conduzindo a vida. Por sua vez ela terá de reaprender a amar sua vida.



- Eu prefiro nos enxergar como uma equipe. Você é a Louis Lane do Super-Homem. O Pinky do meu Cérebro.
- Bem colocado. E sentada com minha vida, que é uma pessoa. Não há nada mais estranho do que isso.

Esse livro é muito envolvente, de uma forma bem leve e divertida nos deparamos com uma personagem muito parecida com as pessoas que conhecemos e nós mesmos. Ela como muita gente prefere dizer o que as pessoas querem ouvir do que entrar em tristes detalhes sobre sua vida.

Sua ''Vida'' se tornou um dos meus personagens preferidos, ele pode ser meio triste no começo mas depois se revela como um homem sensacional! Muito divertido, com um humor negro que eu adoro, muito perspicaz. Ele nos da grandes lições, eu me arrepiei em muitas partes do livro.

‘’A verdade por mais que doa é a melhor forma de seguir em frente e fazer com que as coisas aconteçam, ser verdadeiro consigo mesmo e com os outros lhe faz uma pessoa melhor e lhe trás coisas positivas.’’

A capa, a forma de narração, o fluxo de informações, não tenho do que reclamar foi tudo muito perfeito. Amei o livro e mais que recomendo. Temos boas surpresas nele, como um novo amor na vida dela, e um antigo amor que pode finalmente se resolvido...


Existe muitas pessoas ignorando sua vida nesse exato momento, muito provavelmente você leitor o faz assim como eu em alguns momentos. Nesse livro tive uma grande lição que me marcou muito:

Sua vida é o grande presente que você recebeu ao nascer, e só você pode lhe dar o devido valor, se você não amar sua vida como se deve, e não lhe preservar acredite, ninguém vai fazê-lo por você.


                                                                
Titulo: A Vez da Minha Vida
Autor: Cecilia Ahern
Número de páginas: 384

Editora: Novo Conceito


                                                         Beijos
                                                                        Nita 

 

5 comentários

  1. Que resenha linda Nita!
    A Vez da Minha Vida já está na minha listinha de desejados graças a sua resenha maravilhosa!
    Eu pensava que este livro era uma comédia romântica(não tinha visto a sinopse ainda).. e é uma coisa totalmente diferente. Existem lições de vida, e é um assunto muito incomum. Adorei!
    Deve ser muito esquisito se deparar com a sua vida e ainda ouvir um monte de verdades sobre ela O.O
    Pelo que você disse, é um livro em que o leitor aprende muito. E só com esses quotes eu também me arrepiei toda rsrs Muito perfeito!
    Quero muito ler este livro! A Novo Conceito sempre mandando bem não é mesmo?
    Parabéns pela resenha!

    Bjs :*
    salaodelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Depois do sucesso feito com P.S. Eu te amo a autora parece realmente ter continuado a escrever sucessos. Acho que o livro deve nos trazer muitas reflexões sobre nossa própria vida.

    ResponderExcluir
  3. honestamente? não queria ler a resenha porque esperava um livro totalmente chato, mas a história desse livro promete risadas e lágrimas não?! estou com muita vontade de ler, principalmente porque a narração é perfeita, né?! e isso é uma coisa que gosto muito em um livro. listando como desejado no skoob já. ótima resenha.

    ResponderExcluir
  4. há muitos anos li PS: Eu te amo e achei o livro maravilhoso. Depois de muito tempo transformaram ele em filme e aí sempre tem aquela velha questão, o livro é melhor que o filme.
    Mas sem querer causar polêmicas aqui, posso dizer que a narrativa da Cecelia Ahern é maravilhosa. Ela achou um excelente caminho para tratar de temas sensíveis sem se tornar piegas.
    Recomendo a leitura dessa nova obra também.

    ResponderExcluir
  5. Tenho muita vontade de ler esse livro e eu Ganhei HAHAHA. Adorei a capa e quando li a sinopse, fiquei encantada pelo livro. O assunto nada comum retratado pela autora, com certeza, é delicado e eu me identifiquei com o livro justamente por esse tema. Gostei muito da resenha e acho que você conseguiu captar a essência do livro. Parabéns.

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para nós! Deixe seu comentário e se houver necessidade responderemos pelo seu e-mail ou aqui mesmo. Obrigada pela visita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...