[Resenha] Procura-se um Marido - Carina Rissi

| Autora: Carina Rissi  Selo: Verus | Páginas: 476 | ISBN: 9788578861980 Skoob Comprar |
Alicia sabe curtir a vida. Já viajou o mundo, é inconsequente, adora uma balada e é louca pelo avô, um rico empresário, dono de um patrimônio incalculável e sua única família. Após a morte do avô, ela vê sua vida ruir com a abertura do testamento. Vô Narciso a excluiu da herança, alegando que a neta não tem maturidade suficiente para assumir seu império – a não ser, é claro, que esteja devidamente casada. Alicia se recusa a casar, está muito bem solteira e assim pretende permanecer. Então, decide burlar o testamento com um plano maluco e audacioso, colocando um anúncio no jornal em busca de um marido de aluguel. Diversos candidatos respondem ao anúncio, mas apenas um deles será capaz de fazer o coração de Alicia bater mais rápido, transformando sua vida de maneiras que ela jamais imaginou. Cheio de humor, aventura, paixão e emoções intensas, Procura-se um marido vai fisgar você até a última linha.

O título logo de cara me lembrou aqueles típicos filmes de sessão da tarde. Procura-se um marido é um livro com uma premissa simples e clichê com cenas inusitadas. O que encanta e faz a leitura ser boa realmente é a escrita da Carina Rissi, que já me mostrou o seu talento com o primeiro livro que li dela, Perdida.  

Procura-se um Marido narra a estória da espevitada, mimada, rebelde e herdeira de um império, Alicia, que é órfã e foi criada pelo avô e sente um amor imenso por essa pessoa que sempre fez o papel de pai para ela. Então imaginem o sofrimento dela quando ele falece.  

O avô era muito rico e o futuro dela estaria assegurado, ou era para ser assim se não fosse por uma cláusula que o seu querido avô inseriu no testamento, a cláusula dizia que Alicia teria que se casar para receber o que era seu por direito, o avô apenas queria que ela fosse forçada a amadurecer.

Não vendo alternativa se não realizar o desejo do avô, Alicia concorda em se casar, mas antes a nossa protagonista pensa muito e digamos que o método utilizado para achar um noivo não é nada tradicional. Ela pouco a pouco começa a amadurecer tendo que enfrentar o mundo real e ter responsabilidades. Se antes ela era uma garota mimada, após o falecimento do avô ela passa a dar valor às coisas que realmente importam e descobre que o trabalho dignifica o homem. E é no trabalho que ela conhece um cara chamado Max e digamos que, entre esses dois, há uma linha tênue entre amor e ódio que poderá abalar algumas das metas e prioridades de Alicia.

A escrita da Carina é leve, simples e coloquial, e a leitura desse chick-lit é feita rapidamente, a construção dos protagonistas também é bem feita, vemos de forma clara o amadurecimento dos personagens e dos seus sentimentos; se no começo a Alicia me irritava um pouco, logo que ela começa a crescer como pessoa, é impossível não se divertir com suas confusões e não torcer por ela, sem falar no romance que é *só suspiros*, e nesse livro não se deixe iludir pelas aparências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós! Deixe seu comentário e se houver necessidade responderemos pelo seu e-mail ou aqui mesmo. Obrigada pela visita.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...